mantenha sua mente aberta menr.png

  RECOMENDADO 

 PARA +16 ANOS  

CRÔNICAS MODERNAS: CONSELHOS


Fonte: https://www.dicio.com.br/conselho/

Já dizia o velho ditado que se conselho fosse bom ninguém daria de graça. Concordo. Tenho uma tatuagem que eu gostaria muito que fosse uns centímetros mais para cima, no entanto aceitei o conselho do tatuador que era meu amigo e acabei me arrependendo do espaço escolhido. Procuro encarar essa tatuagem como uma ironia divina, um lembrete de que a perfeição jamais será atingida.

Passei a aceitar conselhos já adulta assistindo series que retratavam a monarquia. Um rei sábio aceita conselhos. Os filósofos também aconselhavam-se. E nas histórias de fantasia quem resolve tudo é o conselho; mais conhecido como aquele grupo de gente que entende dos paranauês, sentam numa mesa distante e as vezes nem aparecem. Só tomam a decisão final e é isso.

Aconselhar é uma tarefa de grande peso e que exige qualificação. Não se pode sair por saí dando conselhos sobre assuntos dos quais não se tem algum domínio. A não ser que você seja uma pessoa muito intuitiva. E existe muita gente por ai que faz bastante uso dessa essa carga “sobrenatural” nos conselhos, o famoso eu senti que devia te aconselhar.

Mas como é que pessoas como eu, que vivem os dias tendo incertezas até na hora de escolher um salgadinho, do nada podem ter tamanha convicção de algo a tal ponto de arriscar influenciar a vida de outra pessoa? Como?

É pensando assim que hoje em dia me vejo com uma ótima conselheira, simplesmente não os dou. Conselhos são para velhos e personagens fictícios. Eu ainda tô vivendo. Errando e acertando, colecionando minhas observações. Sou a pior pessoa para dar conselhos, eu conto histórias. Sempre vou querer que a personagem escolha a opção mais absurda! Estendo minha plaquinha: Volte mais tarde.


Fonte: https://www.ceacollections.com.br/

Quando a situação é muito delicada e é absolutamente empírico que eu intervenha, juro que procuro usar todos os pontos de sensatez que que minha ficha de RPG da vida real me permitir. Arregaço minhas mangas, prendo o cabelo, respiro fundo e jogo o dado. Sim, é na sorte. Como tudo na vida, os conselhos são facas de dois gumes.

- Ahh...Se você ouvisse seus próprios conselhos... – Essa frase é recorrente. E resume bem a questão: Quer um conselho, procure-o dentro de si.

Até porque as pessoas não costumam seguir os conselhos alheios. Elas seguem suas vontades ou suas doutrinas e ponto. O máximo que pode acontecer é considerarem o conselho na hora de tomar a decisão. Que na maioria das vezes será contrária ao bom senso.

Como uma criança rebelde de sete anos que faz tudo ao avesso do que foi ensinada para fazer pirraça. Eu era assim. Fazia cara de paisagem enquanto os adultos falavam pois sabia que era mais inteligente que eles. Entretanto, eu não contava com a experiência deles. Se eu tivesse ouvido mais, eu teria feito menos merda repetida.

Então se alguns conselhos são bons, porque não os ouvimos? A resposta dessa pergunta é o respeito. A origem do conselho é por vezes mais importante do que o conselho em si. Tipo que nem o Yoda ou o Mestre dos Magos. Você nem sempre compreende o que eles falam, mas se sente mais confortável quando eles estão lá para aconselhar.

Normalmente, você acha que a pessoa que te pediu um conselho te respeita, por isso você toma coragem e diz o que tem que ser feito. Ao mesmo tempo que se você já tomou a sua decisão mas alguém que você respeita muito te aconselha ao contrário, você vai ficar em dúvida.

Além disso, quem é que se respeita o suficiente para aceitar o próprio conselho? Eu mesma coitada, mereço umas três horas de castigo na classe, sentada num canto, sozinha e olhando pra parede enquanto o resto da turma faz origami... Sem respeito por aqui! rs

Assisto um desenho onde o mundo tem infinitas linhas temporais, ou seja, existem infinitas realidades. Infinitas possibilidades de como a vida pode ser. É muito mais do que apenas o mundo invertido. Imagine zilhões de mundos idênticos a este e ainda outros zilhões de mundos invertidos e por aí vai...

Fico pensando que poderíamos estar em uma das realidades onde no futuro próximo existe viagem no tempo. Ver meus olhos envelhecidos seria um grande choque, e com certeza me poria para ouvir o que aquela mulher tem a dizer. Quais os conselhos ela iria me dar? Será que ela e eu ainda somos a mesma pessoa, ou eu a respeito mais por ter vindo do futuro?

O conselho existe porque ele será necessário em algum momento. Não é todo dia que a gente acorda preparado para viver; decidido, sorridente piadista e de braços abertos para as experiências que este dia nos reserva. Não mesmo. É por isso que chove conselho, Mas às vezes conselho nenhum nos faz enxergar. Em certos momentos, o melhor conselho é o silêncio.

Ainda está em debate se viver é um castigo, uma arte ou o misto dos dois. Em breve, o conselho deve decidir.



Fonte: Reprodução - Rick and Morty

#cronica #cronicasmodernas #nudezmental #opinião #semcensura #literatura

#conselho #conselhos #vida #ironia #culturapop #rickandmorty #piada #reflexão #filosofia #humor #vidamoderna #crônicas #cotidiano #diaadia #leréviajar #leiamais #leiamulheres

15 visualizações

 ONDE AS PALAVRAS NÃO TÊM PUDOR. 

 O SEU PORTAL DE LITERATURA E ARTE! 

LOGOsocabeça.png
Botão Pagin Inical
Botao Críticas Peladas
Botão Crônicas Modernas
Botão Poesias Cruas
Botão Vitrine